Se eu for candidato vocês vão ganhar as eleições, Diz Lula ao povo no ceará


O primeiro dia da caravana do ex-presidente Lula pelo Ceará terminou com grande ato político em Quixadá, no Sertão Central cearense. Milhares de pessoas estiveram presentes para ouvir as palavras do líder petista, que subiu ao palanque ao lado do governador Camilo Santana (PT), do deputado federal José Guimarães (PT-CE) e do senador José Pimentel (PT-CE), entre outros representantes da política estadual e local.

Ovacionado pelo público, Lula deu o recado: “Se eu for candidato, eles têm que saber que vocês vão ganhar as eleições outra vez. Se eles não sabem consertar o País que eles mesmo quebraram, eu vou dizer que um metalúrgico sem diploma universitário é capaz de fazer ele voltar a crescer”.

O ex-presidente também não poupou críticas ao atual governo e às políticas que levaram o País à atual situação. “Eu sei que eles estão destruindo o Brasil. Estão vendendo a Petrobras, querem acabar com o Banco do Brasil, com a Caixa Econômica, estão vendendo a Eletrobrás, acabaram com a indústria naval. É aquele tipo de gente vagabunda que ao invés de trabalhar começa a vender as coisas por incompetência política”, afirmou. E lembrou que, mesmo com a queda na arrecadação e nos investimentos, o Governo “utilizou R$ 14 bilhões para comprar deputados e não ser afastado”.

Lula também enalteceu as conquistas da parte mais pobre da população – sobretudo a nordestina – durante os anos de governo do PT, como a transposição das águas do rio São Francisco, a redução da fome e do analfabetismo e a construção de universidades e escolas técnicas; e disse que sempre sonhou em tirar o Brasil da miséria. “O povo pobre nordestino é igual a qualquer outro, basta dar a oportunidade. (…) Para aquela grã-finagem que está no comando, pobre não existe, pobre atrapalha. Para mim, pobre é a razão da construção desse País”.

Assista ao discurso de Lula na íntegra:

Ovacionado pelo público, Lula deu o recado: “Se eu for candidato, eles têm que saber que vocês vão ganhar as eleições outra vez. Se eles não sabem consertar o País que eles mesmo quebraram, eu vou dizer que um metalúrgico sem diploma universitário é capaz de fazer ele voltar a crescer”.

O ex-presidente também não poupou críticas ao atual governo e às políticas que levaram o País à atual situação. “Eu sei que eles estão destruindo o Brasil. Estão vendendo a Petrobras, querem acabar com o Banco do Brasil, com a Caixa Econômica, estão vendendo a Eletrobrás, acabaram com a indústria naval. É aquele tipo de gente vagabunda que ao invés de trabalhar começa a vender as coisas por incompetência política”, afirmou. E lembrou que, mesmo com a queda na arrecadação e nos investimentos, o Governo “utilizou R$ 14 bilhões para comprar deputados e não ser afastado”.

Lula também enalteceu as conquistas da parte mais pobre da população – sobretudo a nordestina – durante os anos de governo do PT, como a transposição das águas do rio São Francisco, a redução da fome e do analfabetismo e a construção de universidades e escolas técnicas; e disse que sempre sonhou em tirar o Brasil da miséria. “O povo pobre nordestino é igual a qualquer outro, basta dar a oportunidade. (…) Para aquela grã-finagem que está no comando, pobre não existe, pobre atrapalha. Para mim, pobre é a razão da construção desse País”.


Assista ao discurso de Lula na íntegra:

Ovacionado pelo público, Lula deu o recado: “Se eu for candidato, eles têm que saber que vocês vão ganhar as eleições outra vez. Se eles não sabem consertar o País que eles mesmo quebraram, eu vou dizer que um metalúrgico sem diploma universitário é capaz de fazer ele voltar a crescer”.

O ex-presidente também não poupou críticas ao atual governo e às políticas que levaram o País à atual situação. “Eu sei que eles estão destruindo o Brasil. Estão vendendo a Petrobras, querem acabar com o Banco do Brasil, com a Caixa Econômica, estão vendendo a Eletrobrás, acabaram com a indústria naval. É aquele tipo de gente vagabunda que ao invés de trabalhar começa a vender as coisas por incompetência política”, afirmou. E lembrou que, mesmo com a queda na arrecadação e nos investimentos, o Governo “utilizou R$ 14 bilhões para comprar deputados e não ser afastado”.

Lula também enalteceu as conquistas da parte mais pobre da população – sobretudo a nordestina – durante os anos de governo do PT, como a transposição das águas do rio São Francisco, a redução da fome e do analfabetismo e a construção de universidades e escolas técnicas; e disse que sempre sonhou em tirar o Brasil da miséria. “O povo pobre nordestino é igual a qualquer outro, basta dar a oportunidade. (…) Para aquela grã-finagem que está no comando, pobre não existe, pobre atrapalha. Para mim, pobre é a razão da construção desse País”.


Assista ao discurso de Lula na íntegra:

Lula participa do Ato "Pela Democracia e Mais Direitos", em Quixadá (CE)#lulapelobrasil #lulapeloCeara

Posted by Lula on Tuesday, August 29, 2017

3 comentários em “Se eu for candidato vocês vão ganhar as eleições, Diz Lula ao povo no ceará

  • agosto 31, 2017 em 2:05 am
    Permalink

    O povo brasileiro precisa do Lula. Ele é. Um líder político que faz acontecer o desenvolvimento do nosso País com políticas públicas voltada para os mais carentes. O que se aplica corretamente tem retorno, povo trabalhador é povo que gera renda e alavanca a economia. Esta é a classe trabalhadora, e não a demolidora.

    Resposta
    • agosto 31, 2017 em 5:09 pm
      Permalink

      os politicos que estão lá sem voto do povo não tem vergonha na cara.
      nós que escolhemos nossa presidente estamos de coração partido. A única esperança é votarmos de novo em Lula ai sim vamos ter vontade de trabalhar e viver dignamente nesse país.

      Resposta
  • Pingback: Título do site

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *